Centro Espírita Dr. Adolfo Bezerra de Menezes

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Mensagens Recebidas

As luzes do Natal de Jesus

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

A noite da perfeição abriu-se sobre a Terra!

As estrelas cintilantes anunciam que o homem está prestes a recordar o dia mais lindo de todos os tempos. 

Continuar...
 

Os mansos herdarão a Terra

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Jesus afirma em Mateus 5:5:

“Bem-aventurados os mansos, porque eles herdarão a Terra”.

Sua afirmação tinha uma conotação futurista onde previa que a Terra seria um paraíso para a humanidade. Não previu o tempo para que isso acontecesse.

Continuar...
 

Caminheiros nos tempos de Jesus

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Há 2.000 anos, os apóstolos e discípulos de Jesus saíam pelo mundo a pregar a palavra do senhor aos povos.

Quando as estrelas ainda brilhavam no céu os caminheiros já estavam nas estradas na busca de seu destino. 

Continuar...
 

Caminhos Cruzados

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Nos tempos do Contestado, quando vivíamos em casinhas pobres como simples camponeses e cultivávamos um pedaço de terra para plantar e colher os frutos de nosso sustento, sentíamos a vida fluir a cada dia sem nos preocuparmos demasiadamente com nosso futuro.

Isso ocorreu até o dia em que chegou a ferrovia cruzando nossas terras e a companhia começou a nos expulsar como se fôssemos leprosos. A lei deles era para deixar a terra ou ficar e morrer.

Continuar...
 

Na gruta de Belém

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

A gruta em Belém

Recebeu o menino Jesus

Transbordando em luz,

Espraiando no infinito.

Continuar...
 


Página 5 de 26

Luiz Marini - Livros

kiko_e_malhado.jpg
Clique na imagem para acessar


Para refletir

"A paisagem social da Terra se transformaria imediatamente para melhor se todos nós, quando da condição de espíritos encarnados, nos tratássemos, dentro de casa, pelo menos com a cortesia que dispensamos aos nossos amigos." (André Luiz)