Centro Espírita Dr. Adolfo Bezerra de Menezes

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte

PALAVRAS DE MARIA ROSA

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

<<< Anterior...

                Sou Maria Rosa, a guerreira do Contestado, uma das humildes servidoras do Senhor que está morando numa cidade espiritual acima dos campos limítrofes com o umbral. Tenho o prazer e o encanto de morar na casa da avó Maria, que considero minha mãe espiritual, junto com Luisinho, Julia e Lucas, seus netos espirituais.

               Sou a mesma guerreira que um dia comandou os sertanejos na luta contra o gigante que tentava dominar nossas forças depois da doação das terras limítrofes à ferrovia, que resultou na expulsão dos colonos da área. O tempo passou e estou trabalhando na seara do bem, depois de muito estudo, trabalho e desenvolvimento.

               A localização de nossa cidade nos permite viver sem as preocupações inerentes aos Postos de Socorro e às cidades espirituais que estejam nos limites desses campos, como é o caso de Nosso Lar, aonde os Espíritos inferiores chegam para perturbar a ordem e faz com que sejam necessários muros de proteção e guardas especializados para afastá-los.

               Em nossa cidade vivemos plenamente a felicidade no trabalho incessante com o estudo e o progresso de crianças que frequentam nossa escola e com muitos outros afazeres com os quais somos comprometidos.

               O trabalho no Centro Espírita nos leva a viver a realidade dos dois mundos e isso é gratificante, pois estamos sempre imbuídos da necessidade de se fazer algo de bom para o próximo, o que nos aproxima de Jesus.

 

Continuar...

 

Luiz Marini - Livros

kiko_e_malhado.jpg
Clique na imagem para acessar


Para refletir

"A paisagem social da Terra se transformaria imediatamente para melhor se todos nós, quando da condição de espíritos encarnados, nos tratássemos, dentro de casa, pelo menos com a cortesia que dispensamos aos nossos amigos." (André Luiz)